Skip to main content

Férias dos treinos

Artigos, Corrida 0 Comment

dia-de-playa-9815“Será que esse período todo sem treinar irá prejudicar meu desempenho?” Esse tipo de dúvida aparece frequentemente, pois temos muitas festas, viagens, e ficamos fora da cidade muitas vezes prejudicando a rotina de treino.

Mas ficar sem treinar esse período é bom ou ruim? Claro que não! Se até atletas têm férias, nós meros mortais também temos esse direito. Esse tempo é muito importante, necessário para continuarmos um novo ano de treino, devido a vários factores que serão ilustrados abaixo:

Sair da rotina: Temos que variar nosso dia a dia para não cairmos na rotina, e em relação ao nosso treino é a mesma coisa. Durante quase 12 meses ficamos preocupados, querendo aumentar o rendimento, séries, descansos, intervalos, suplementos, lesões, cansaço, estratégias de treino.

Tudo isso estressa o praticante fazendo com que em alguns momentos chegue o desânimo e a falta de vontade de treinar, principalmente quando estamos sem estímulos; e a rotina do treino leva a isso com certeza!

Descansando o seu corpo: O treino em si, é um estreasse ao nosso organismo, e sucessivos estímulos estressantes levam as adaptações como aumento da força, da hipertrofia. Porém não temos ainda a capacidade de identificar o exacto momento para diminuir ou interromper nossos treinos para não passar do limite entre a capacidade de gerar adaptação e o excesso de treino. Uma parada no período de festas é de grande valia para que nosso organismo descanse mesmo perdendo um pouco de performance. Vale a pena!

Exames de rotina: Os atletas nos períodos de férias (que nem sempre são os mesmos períodos de festas de fim de ano) usam desse período para realizarem exames clínicos (sangue, urina…..) consulta médica para ver se está tudo bem para dar início a uma nova programação semestral ou anual de treino. Faça isso também, vá ao médico, faça exames de rotina para ver se está tudo bem com você.

Pratique modalidades diferentes: Existe um princípio do treino desportivo chamado de princípio da multi lateralidade. Ele salienta a importância do atleta no seu período de especialização praticar modalidades desportivas diferentes no período de transição (período de férias para os atletas, é a mesma coisa que período de transição entre um ano e outro) para desenvolver outras capacidades físicas que sua modalidade específica não consegue desenvolver.

Mas esse princípio também preconiza a utilização de outras modalidades durante o período de descanso do treino com o intuito de sair da rotina das sessões estressantes além de estimular outras capacidades físicas, que podem ou não beneficiar o resultado do atleta quando da sua volta ao treinos. Faça isso! Mais uma vez você estará saindo da rotina, e isso vão te ajudar a continuar a ter estímulos para um novo ano de treino.

Pense na sua qualidade de vida: É claro que a interrupção nos treinos vai fazer com que você perca alguns centímetros de braço, perna, e que você vai ganhar alguns “kilinhos” aumentando um pouco o percentual de gordura.

Mas devemos lembrar que não podemos ficar preocupados 24 horas por dia durante 365 dias do ano com a saúde e estética, peço desculpa aos “neuróticos” de academia, mas para mim isso é doença que deve ser tratada, pois nós sabemos que tudo em excesso faz mal, inclusive a preocupação excessiva com o físico.

Pense na sua qualidade de vida, pratique nesse período outras modalidades, descanse, não faça nada, coma de tudo, durma bastante, enfim, aproveite a vida em tudo de bom que ela pode te proporcionar, ou seja, curta não fazer nada!

Fonte: www.ativo.com

Related Posts

Hipertrofia em mulheres

Mesmo quando mulheres e homens obtêm similares ganhos em força, a hipertrofia (aumento muscular) nas...

A passada perfeita

A amplitude e biomecânica realizada nas passadas são de grande importância na corrida, pois é...

Treinar ou não com monitor cardíaco?

Entenda a importância desse aparelho para o desenvolvimento nos treinos. No começo, basta um par...

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Preencha o campo *