Skip to main content

Entenda como evitar a lesão no adutor da coxa

Assuntos, Fisioterapia 0 Comment

Fotolia_161933351_Subscription_Monthly_M-1-800x500Quem pratica corrida está sempre susceptível a lesões, principalmente nos membros inferiores. Uma das mais comuns é aquela famosa fisgada na coxa. As lesões podem ocorrer na origem muscular ou inserção, na junção músculo-tendão, ou dentro do corpo do músculo da região.

Os músculos adutores da coxa são estabilizadores do quadril e são muito exigidos durante a corrida. O problema de estiramento ocorre principalmente em atletas ou quem pratica a corrida com frequência.

De acordo com a ortopedista Ana Paula Simões os fatores que podem propiciar a lesão são: A diminuição da força, a limitação no afastamento das coxas e o baixo condicionamento muscular, sendo mais comum quando:

– A modalidade exige movimentos repetidos, como lutas e ginástica.

– Há falha no aquecimento ou fadiga por uso excessivo do músculo.

– O esporte envolve aceleração, como corrida, futebol e ténis.

– Despreparo físico, musculatura adutora despreparada.

Quais são sintomas?

“O primeiro sinal é a dor súbita, às vezes acompanhado pela sensação de um estalo na parte interna da coxa, em geral isso incapacita o atleta de continuar a actividade”, explica.

Como é feito o tratamento?

“O tratamento conservador costuma ser o mais usado, isso inclui diminuição ou intervalo dos exercícios físicos e uso de gelo e anti-inflamatórios apropriados para as lesões musculares agudas. À medida que os sintomas melhoram, exercícios suaves de alongamento e fortalecimento são apropriados. Em alguns casos é necessário fazer fisioterapia. Já cirurgia, é raramente necessária”, afirma a ortopedista.

Como prevenir?

“Na maioria das vezes esse problema pode ser evitado através de aquecimento adequado e alongamento antes da actividade. O fortalecimento também é sempre fundamental para diminuir os riscos de lesões. E treinar o gesto desportivo fazendo um acompanhamento com preparador físico também é recomendado”.

Fonte: www.webrun.com.br

Related Posts

Porque não treinar em jejum

A prática da actividade física é um desafio para alguns. Para outros é uma forma...

As 10 lesões mais temidas na corrida

Os sintomas das lesões na corrida são habitualmente muito evidentes embora tenhamos sempre dúvidas quanto...

A gordura do corredor

Você já deve ter visto aquela barriguinha que insiste em permanecer ali, grudada no abdome...

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Preencha o campo *