Skip to main content

Dor ou desconforto durante o ciclismo

Artigos, Ciclismo 0 Comment

122676_Papel-de-Parede-Roda--122676_1920x1200Tem sentido dores enquanto pedala? Sabe o porquê disso? Exercícios de baixa intensidade e longa duração são os mais indicados para pessoas que buscam melhorar o condicionamento físico e a melhora da qualidade de vida.

Isso faz com que o número de adeptos a esportes como o ciclismo, seja ele indoor (spinning, por exemplo) ou na rua, aumente a cada ano.

Isso faz com que o ciclismo seja um dos esportes mais tradicionais no mundo, tanto em relação a número de ciclistas e triatletas profissionais como praticantes em geral.

Além do caráter competitivo, o ciclismo tem se tornado uma forma de lazer bem como um excelente meio de locomoção (Rowe, Hull e Wang, 1998; Burke, 2000; Carmo, 2001).

As atividades esportivas tem características que permitem sua diferenciação em cíclicas, acíclicas ou semicíclicas (combinação de cíclicas/acíclicas).

Esportes ou modalidades cíclicas são caracterizadas pela repetição contínua e prolongada de determinado gesto esportivo, como é o caso do ciclismo, natação, remo entre outras.

Durante 1 hora de prática esportiva, o ciclista pode ultrapassar 5 mil pedaladas. Se associado a essa enorme quantidade de revoluções do pedal, o ciclista apresentar um ajuste inadequado dos componentes da bicicleta, desequilíbrio muscular ou erro no treinamento, a possibilidade de desencadear dor ou desconforto ou até mesmo lesão, se torna muito grande.

Segundo a literatura científica, as regiões anatômicas com maior incidência de dor são: coluna lombar (30 a 60%), coluna cervical (9 a 49%) , períneo (9 a 42%), joelho (21 a 65%), mãos (10 a 40%) e pés (7 a 24%) (Ayala, T – studiobikefit.)

Em um período de clara consolidação no setor do fitness, o ciclismo indoor demonstra estar a cada dia mais vivo (Kang, J. Et al. 2005; Mello, D.B, 2004), assim como a prática de exercício físico com a bicicleta de passeio, se faz necessário tomar medidas a fim de evitar ou solucionar problemas como o desconforto sobre a bicicleta.

Primeiramente, o praticante de exercício físico deve procurar uma orientação personalizada para que os ajustes da bike (estrada – mountain bike – spinning) sejam feitos de acordo com a sua composição corporal, também devendo ser levado em conta a individualidade de cada um (mobilidade, encurtamentos e desequilíbrios musculares).

Portanto, antes de iniciar o seu treino, solicite a consultoria de um profissional da área para que você possa ter o máximo de proveito da atividade sem a ocorrência de dores e/ou lesões. Bons treinos!!

Fonte: www.exercite-se.com.br – Por Ricardo Moraes

Related Posts

Cuidado nas descidas

Quando um atleta se prepara para participar de uma prova, ele costuma levantar uma série...

Os 10 mandamentos do treino de bike

Se você quer ir mais longe ou mais rápido na bike, a receita é a...

Treinos longos para maratonistas

O maratonista sabe que é preciso fazer treinos longos. Mas qual a distância máxima que deve treinar? De...

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Preencha o campo *