Skip to main content

Desafios de uma corrida de montanha

Artigos, Corrida 0 Comment

preparar-para-corrida-de-montanha-1Ao conversar com um amigo sobre minha desmotivação nas corridas de rua, uma nova paixão despertou meu interesse pela corrida novamente: algo novo, diferente, no qual eu não precisasse me preocupar em quebrar marcas e tempos, mas sim explorar novos caminhos onde correr envolvesse emoção, sentimento e diversão.

Eu me interessei então por um novo desafio, uma corrida nas montanhas que cruzava da Patagônia argentina ao Chile.

Esta corrida pelos Andes era feita em dupla e eu precisaria envolver outra pessoa neste projeto, um parceiro que também quisesse explorar novos caminhos como eu. Não foi difícil.

A corrida dos Andes é uma prova absolutamente atraente para quem gosta deste tipo de desafio, porém exige alguns requisitos como equipamento específico e obrigatório. Iniciamos então nossa busca pelo material ideal que o regulamento da prova exigia para cada equipe e corredor.

Foi aí que percebi que a corrida na montanha tem suas peculiaridades e termos específicos, que eu como corredor de rua não conhecia. Estudei, pesquisei e procurei por pessoas experientes neste tipo de corrida que pudessem me ajudar a conhecer tudo sobre estes equipamentos e tecnologias para minha nova modalidade. Descobri que não bastava trocar o tênis de corrida de rua por um tênis de corrida em trilhas.

Era muito mais do que isso. Muito mais complexo do que simplesmente correr por lindas paisagens que as montanhas poderiam oferecer. Contei toda a minha trajetória até aqui para mostrar o significativo aumento do numero de praticantes neste tipo de corrida.

Crescimento – O calendário de corridas de montanha em nosso país está recheado de desafios em lugares maravilhosos no ano de 2015. Este crescimento fez com que a procura por profissionais e equipamentos específicos para a modalidade aumentasse consideravelmente.

Venho acompanhando o que algumas revistas estão publicando sobre as corridas em montanhas, assim como a publicação de planilhas para atletas que querem correr duas, três, quatro horas. Gostaria de enfatizar os riscos de seguir uma metodologia de treinamento para montanhas semelhante às de treinamento para corridas em ruas.

O risco de lesões em corridas de montanhas é muito mais elevado em função das irregularidades encontradas no terreno. Poderão ocorrer torções, fraturas, rompimento de tendões e ligamentos.

Daí a extrema importância de procurar profissionais capacitados e experientes nesta modalidade. Profissionais que já tenham estado lá, “metendo o pé na lama”, que possam atender às necessidades do atleta.

Teremos um encontro mensal por meio desta coluna, onde pretendo trazer para o corredor iniciante ou avançado dicas de treinamento, equipamentos, viagens, tudo que se relacione a este tipo de corrida e que possa ajudar na sua preparação. Concluo esta primeira nota deixando cinco dicas para começar bem nas trilhas e montanhas.

1 – Não explore nenhuma trilha ou montanha que você não conheça, procure correr em trilhas ou montanhas sempre na companhia de um amigo ou seu treinador.

2 – Utilize equipamento específico para esta modalidade, calçados e mochilas de hidratação são itens básicos.

3 – Use protetor solar e repelente ao sair para trilhas ou montanhas.

4 – Leve o telemóvel (celular) e o coloque em um saco para evitar que molhe caso passe por rios ou lagos. Pode ser útil caso aconteça algum imprevisto.

5 – Não se esqueça de levar hidratos de carbono em gel ou qualquer fonte de energia que esteja consumindo durante seus treinos. Não jogue os restos de alimentos e embalagens na natureza, traga consigo para um local adequado.

Fonte: www.webrun.com.br – Por Lausadir Feitosa

Related Posts

Cuidados com seu calçado

Sem um calçado você não corre: fica a pé. Para que ele também fique inteiro...

10 dicas para ter sucesso na Maratona

Para evitar surpresas entre a largada e a chegada o diretor técnico da Winners Assessoria...

Dicas para melhorar a tua corrida

O especialista Belino Coelho, diretor técnico da Elite Assessoria Desportiva do Brasil, responsável pelo treino...

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Preencha o campo *